A vida de Emilia Clarke tomou um rumo inesperado! 💔 Emilia Clarke falou sobre seus aneurismas cerebrais e o período difícil que enfrentou. 😞

A vida de Emilia Clarke tomou um rumo inesperado aos brilhantes 24 anos. Ela havia acabado de finalizar as filmagens da primeira temporada de Game of Thrones, um trabalho que a tornaria uma celebridade global, quando sofreu um aneurisma cerebral potencialmente fatal. Apesar do impacto psicológico e físico que a recuperação e a cirurgia causaram, Emilia manteve sua determinação inabalável de seguir sua paixão pela atuação. Como muitos artistas, Emilia recorreu ao condicionamento físico como uma forma de redução do estresse após o exaustivo cronograma de filmagens. Mas o que parecia ser um treino rotineiro se tornou uma emergência médica. Sua dor de cabeça se transformou em dor intensa e náusea, necessitando de uma visita ao pronto-socorro.

Os médicos inicialmente tiveram dificuldade em determinar a causa de seu sofrimento. No final, um aneurisma rompido foi descoberto por uma ressonância magnética e uma tomografia cerebral. Um cuidadoso procedimento de três horas se seguiu, demonstrando a proficiência da equipe médica.


Após a cirurgia, Emilia teve que lidar com um novo problema: afasia, uma deficiência verbal semelhante à que afetou Bruce Willis antes de seu diagnóstico de demência. Foi uma semana exaustiva para recuperar seu nome completo.


Outro obstáculo foi descoberto por uma tomografia de rotina dois anos depois. Uma segunda operação foi necessária devido a um tumor que havia crescido consideravelmente do outro lado de seu cérebro. Desta vez, o método menos invasivo estava fora de questão. Tornou-se necessário implantar titânio na cirurgia craniana.


Após a segunda cirurgia, uma batalha de um mês com ansiedade e ataques de pânico se seguiu. Emilia lutou contra a doença e saiu mais forte, demonstrando sua força de caráter e vontade. Anos depois, ela declarou: “Eu me recuperei além das esperanças mais irracionais. Estou totalmente comprometida.” Ela está entre os raros sobreviventes desse tipo de doença que desafiam as probabilidades.


A experiência de Emilia a motivou a retribuir. Junto com sua mãe, ela fundou a SameYou, uma organização sem fins lucrativos que ajuda na reabilitação de vítimas de AVC e outras lesões cerebrais. Ao compartilhar sua história de forma honesta, ela aumenta a conscientização sobre a necessidade crítica de pesquisa sobre esse assunto essencial.


Seu objetivo é preencher a lacuna no apoio e cuidado de longo prazo para aqueles que lidam com as consequências de traumas cerebrais.

Like this post? Please share to your friends:
Sii felice e leggi gli articoli

Videos from internet

Deixe um comentário

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: